sexta-feira, agosto 19, 2011

ANTONIO PROHIAS - SPY VS SPY

IN ENGLISH
Meu neto descobriu o MAD. Hoje talvez o MAD seja um exemplo típico do politicamente incorreto. Eu gosto do MAD. Fui buscar nas prateleiras velhas algum exemplar remanescente. Encontrei uma raridade, o MAD EXTRA n˚ 1 de 1991. E com os meus favoritos - Spy vs Spy. A coletânea começa com o primeiro cartun dos Spies apresentado à Al Feldstein, editor da MAD, por seu criador, Antonio Prohias.
Antonio Prohias era cubano. Cartunista laureado, fez alguns cartuns do ditador Fulgêncio Batista, o que lhe rendeu alguns problemas. Fidel quando assumiu o poder em 59 elogiou o trabalho de Prohias. Mas cartunista é cartunista. Não tardou que Fidel, agora objeto dos cartuns, passasse a considerar Prohias non grato.
Em 1˚ de maio de 1960, três dias antes do fechamento do último jornal livre de Cuba, Prohias se mandou para os Estados Unidos.
Não falava nada de inglês. Talvez por isto criou os Spies mudos. Levou os primeiros cartuns à revista MAD e o resto é história.
Prohias foi o primeiro colaborador estrangeiro da revista MAD. Dois anos depois, outra lenda, o mexicano Aragonés, era contratado.
Prohias morreu em fevereiro de 1998 mas os Spies continuam muito vivos.
Achei no Youtube esta sequência animada de cartuns do SPY VS SPY. Divirtam-se
Click hear to see in english

2 comentários:

CINEMAN disse...

A MAD EXTRA traz também a famosa charge do Fidel Castro como uma sereia barbuda atraindo os navegadores incautos.

Vindo dos Pampas disse...

Fiquei anos-luz mais jovem hoje assistindo este filme. Ja ri muito destes dois na minha infância.
Com o devido crédito, transcrevi para o http://vindodospampas.blogspot.com/
Abs.