terça-feira, outubro 09, 2007

O CAPITÓLIO

O Capitólio era um dos melhores cinemas de Pelotas. Era o cinema da paquera. Nos outros a gente ia ver os faroeste, os seriados, mas no Capitólio a gente ia essencialmente paquerar. Independia do filme, na sessão das oito de domingo todo mundo estava lá. Quando tinha Oscarito e Grande Otelo a fila fazia a volta da quadra. No Natal, eu já falei aqui, o Capitólio dava brindes para os seus frequentadores. O permanente era um passe para ir todo o ano ao cinema de graça. Nunca ganhei. Mas eu tinha os meus meios. Um filme que passava sempre, não sei porque, era "E o Vento Levou". O Capitólio que resistiu até agora, fechou. Era O Último dos Moicanos para lembrar um filme que passou lá. Pelotas ficou um pouco menor.

2 comentários:

Pobre Pampa disse...

No Diário Popular de domingo, está uma reportagem sobre o Capitólio. As obras que estão sendo feitas deixaram uma expectativa de que não seria definitivo o fechamento, mas a empresa proprietária não dá muitas esperanças, pois está estudando propostas de locação. Em breve, mais uma igreja em Pelotas...

Pobre Pampa disse...

O capitólio virou um estacionamento. É uma coisa meio surreal, pois as portas continuam no mesmo lugar, o balcão baleiro também e, lá dentro, está a enorme tela original do capitólio! Acho que Woody Allen poderia fazer algum filme inspirado nisto. Ou, quem sabe, um curta com o Cineman????